29 de mai de 2012

Apresentação, gratuita, nos dias 05, 12, 19, e 26 de junho, de curtas, longas e documentários realizados pela cineasta.


A programação de cinema do SESC Santana exibirá gratuitamente no mês de junho filmes (curtas, longas e documentários) da cineasta brasileira Laís Bodanzky.


Formada em Cinema pela FAAP, Laís é diretora de cinema e teatro e coordena – há 8 anos – o projeto ‘Cine Tela Brasil’, que promove o encontro entre cinema e educação nas comunidades de baixa renda. Mais de 920 mil pessoas tiveram oportunidade de ir ao cinema por meio dessa iniciativa.

Em 2000, dirigiu seu primeiro longa-metragem, Bicho de Sete Cabeças, que alcançou grande sucesso de público e crítica, 47 prêmios nacionais e internacionais e atingiu 37 pontos de média no ibope da TV aberta, tendo sido visto por mais de 30 milhões de pessoas no Brasil.

Tanto no teatro quanto no cinema, Laís conquistou prêmios importantes no Brasil e no exterior como o Prêmio Shell de Teatro de São Paulo e os Festivais de Gramado, Nova York, Montevidéu, Havana, Genebra, Marselha e do Cinema Brasileiro em Paris.

No dia 26 de junho, encerramento da mostra, será realizado um bate-papo com a cineasta Laís Bodanzky sobre a sua carreira, o processo criativo e os temas abordados em seus filmes.

Confira a programação:
§         Bia Bai + Bicho de Sete Cabeças 
São Paulo/Brasil, 2000. 
Dir. Laís Bodanzky. Cor – 88 min. Ficção/Drama.
Seu Wilson (Othon Bastos) e seu filho Neto (Rodrigo Santoro) possuem um relacionamento difícil, com um vazio entre eles aumentando cada vez mais. Seu Wilson despreza o mundo de Neto e este não suporta a presença do pai. A situação entre os dois atinge seu limite e Neto é enviado para um manicômio, onde conhece uma realidade desumana e vive emoções e horrores que ele nunca imaginou que pudessem existir. Inspirado em fatos reais vividos por Austregésilo Carrano Bueno e contados no seu livro ‘Canto dos Malditos’(1993).
Antes do longa será exibido o curta ‘Bia Bai’ sobre o consumo excessivo.
Não recomendado para menores de 14 anos. Dia 05 de junho, terça, às 20h.
§         Clipe Essa Mulher + Chega de Saudade São Paulo/Brasil, 2008. Dir. Laís Bodanzky. Cor – 95 min. Ficção/Drama.
A história acontece em uma noite de baile, em um clube de dança em São Paulo, acompanhando os dramas e alegrias de cinco núcleos de personagens freqüentadores do baile. A trama começa ainda com a luz do sol, quando o salão abre suas portas, e termina no final do baile, pouco antes da meia-noite, quando o último freqüentador desce a escada. Mesclando comédia e drama, o filme aborda o amor, a solidão, a traição e o desejo, em um clima de muita música e dança.
Antes do longa será exibido o videoclipe da música ‘Essa Mulher’ de Arnaldo Antunes.
Não recomendado para menores de 14 anos. Dia 12 de junho, terça, às 20h.
§         Cartão Vermelho + As Melhores Coisas do Mundo 
Brasil, 2010. 
Dir. Laís Bodanzky. Cor – 105 min. Ficção/Drama.
Mano tem 15 anos, adora tocar guitarra, sair com os amigos e andar de bike. Um acontecimento na família faz com que ele perceba que virar adulto não é brincadeira. O bullying na escola, a primeira transa, o relacionamento em casa, as inseguranças, os preconceitos e a descoberta do amor transformam a adolescência numa travessia nada simples.
Antes do longa será exibido o curta ‘Cartão Vermelho’ sobre o mundo de Fernanda – uma adolescente que joga futebol com os meninos – no momento em que ela é surpreendida pelos desejos de mulher.
Não recomendado para menores de 14 anos. Dia 19 de junho, terça, às 20h.
§         Bate-Papo com Laís Bodanzky + Cine Mambembe, o cinema descobre o Brasil 
Brasil, 1999. Dir. Laís Bodanzky e Luiz Bolognesi. Cor – 56min. Documentário.
A viagem de um casal de cineastas pelo interior do Brasil, produz curtas-metragens brasileiros em praças públicas. Do sul da Bahia aos confins da Amazônia, este documentário descobre um país que assiste ao cinema e se vê na tela pela primeira vez.
Após a exibição do longa será realizado um bate-papo com a cineasta Laís Bodanzky sobre a sua carreira, o processo criativo em colaboração ao roteirista Luiz Bolognesi e os temas abordados em seus filmes.
Não recomendado para menores de 14 anos. Dia 26 de junho, terça, às 20h.

SERVIÇO: EM JUNHO, O SESC SANTANA APRESENTA A CINEASTA LAÍS BODANZKY

Dias 05, 12, 19 e 26 de junho. Terça, às 20h.

Não recomendado para menores 14 anos, conforme o filme.
Teatro. Grátis.
Ingressos disponíveis na Rede INGRESSOSESC.
Av. Luiz Dumont Villares, 579 – Jd. São Paulo
Telefone para informações: (11) 2971-8700
Acesso para deficientes – estacionamento – ar condicionado.
Estacionamento - R$ 7,00 período do espetáculo (desconto de 50% para
matriculados no SESC).




Você pode ajudar  este projeto

Uma dramaturgia diferente que vai levar você para um mundo encantado com fatos reais.

Ajude a salvar a fauna e a flora apoiando este projeto que educa crianças e adultos de todo país por um mundo mais verde.




Nenhum comentário: