1 de out de 2018

Alunos do Projeto Guri se apresentam na Estação São Judas


Grupo de percussão de Indaiatuba tocará para os usuários do metrô às 17h

Alunos do Projeto Guri. Foto: Gustavo Morita
No dia 04 de outubro, a partir das 17h, os passageiros que circularem pela Estação São Judas, Linha 1-Azul do metrô de São Paulo, poderão conferir uma apresentação musical dos alunos do Projeto Guri – maior programa sociocultural brasileiro, mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo. A ação faz parte do projeto SP Cultura no Metrô, que busca recuperar, apropriar e ocupar novos espaços.
Os alunos do Polo Indaiatuba darão continuidade à série de apresentações do Projeto Guri no Metrô com estilos musicais variados, desde composições próprias até peças eruditas. O repertório será composto pelas músicas Maracatu, Tamborada, Bela Vista Social Club, Tambores do Nordeste e Pandeirá, além de uma criação coletiva dos alunos.
O projeto SP Cultura no Metrô levará mais de 300 atrações aos seus usuários até a primeira semana de dezembro. A próxima apresentação do Projeto Guri será no dia 19 de outubro às 17h na Estação Ana Rosa, Linha1-Azul e Linha2-Verde do metrô de São Paulo, com o grupo de madeiras do Polo Sorocaba.   
Apresentação do Projeto Guri na Estação São Judas:
Quando: dia 04 de outubro
Horário: 17h
Local: Estação São Judas
Endereço: Av Jabaquara, 2438, Saúde, São Paulo, SP

Projeto Guri www.projetoguri.org.br
Patrocinadores e apoiadores do Projeto Guri – Amigos do Guri: Instituto CCR por meio da CCR AutoBAn e CCR SPVias; CTG Brasil; VISA; VALGROUP; Supermercados Tauste; AES Tietê; Microsoft; WestRock; Novelis; Usina Colorado; Banco Votorantim; Capuani do Brasil; Caterpillar; Grupo Maringá; Pinheiro Neto; EMS; Sky; Magazine Luiza; Mercedes-Benz; ASTA; Catho; CODESP; Raízen; Arteris; Supermercados Rondon; Castelo Alimentos; Hasbro.
Sobre o Projeto Guri


Mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, o Projeto Guri é considerado o maior programa sociocultural brasileiro e oferece, nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos (até 21 anos nos Grupos de Referência e na Fundação CASA). Cerca de 50 mil alunos são atendidos por ano, em quase 400 polos de ensino, distribuídos por todo o estado de São Paulo. Os mais de 330 polos localizados no interior e litoral, incluindo os polos da Fundação CASA, são administrados pela Amigos do Guri, enquanto o controle dos polos da capital paulista e Grande São Paulo fica por conta de outra organização social. A gestão compartilhada do Projeto Guri atende a uma resolução da Secretaria de Cultura que regulamenta parcerias entre o governo e pessoas jurídicas de direito privado para ações na área cultural. Desde seu início, em 1995, o Projeto já atendeu mais de 710 mil jovens na Grande São Paulo, interior e litoral.
Sobre a Amigos do Guri
A Amigos do Guri é uma organização social de cultura que administra o Projeto Guri. Desde 2004, é responsável pela gestão do programa no litoral e no interior do estado de São Paulo, incluindo os polos da Fundação CASA. Além do Governo de São Paulo – idealizador do projeto –, a Amigos do Guri conta com o apoio de prefeituras, organizações sociais, empresas e pessoas físicas. Instituições interessadas em investir na Amigos do Guri, contribuindo para o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, têm incentivo fiscal da Lei Rouanet e do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente (FUMCAD). Pessoas físicas também podem ajudar. Saiba como contribuir: www.projetoguri.org.br/faca-sua-doacao.

Nenhum comentário: