26 de mai de 2015

TARGET LOGISTICS é alternativa inteligente para gestão racional das atividades de logística de armazém

TARGET Logistics, braço logístico do MIRA TRANSPORTES, que durante o ano 2015 completará seu 37º aniversario, consolida o seu crescimento com o objetivo de maximizar a satisfação dos seus Clientes. Como exemplo, na cidade de Cuiabá o operador amplia sua capacidade de armazenagem de 14.000 para 23.000 posições pallets reservando 6.000 m2 para manipulações de cargas fracionadas.
Em um mundo cada vez mais globalizado e competitivo, o MIRA TRANSPORTES adota uma série de ações que estão consolidadas no plano estratégico da empresa e que são transmitidas para o mercado.
“Criamos a TARGET Logistics com o objetivo de que esta unidade de negócios pudesse oferecer aos nossos clientes uma opção de quem possui experiência e integridade dados os nossos 37 anos de atuação na atividade; somente na cidade de Cuiabá ampliamos nossa capacidade de armazenagem de 14.000 para 23.000 posições pallets”, destaca Roberto Mira, presidente e máximo acionista da empresa.
Ainda segundo o empresário, a empresa é consciente que uma organização logística deve agregar valor às atividades operativas dos seus clientes, promovendo a excelência de cada movimento da cadeia.
Neste sentido, mais que dispor de uma empresa logística interessada em buscar parcela de participação no mercado, nosso proposito destaca-se pelo desenvolvimento de operações personalizadas e customizadas à medida das necessidades de cada cliente.
Nossas operações de armazém estão suportadas por um WMS – WAREHOUSE MANAGEMENT SYSTEM consistente, que realiza o registro de cada movimento realizado; entendemos que estamos totalmente preparados para oferecer ao mercado um serviço de grande valor agregado, bem como em perfeita sintonia com o nosso sistema de Gestão de Transportes oferecendo aos nossos Clientes total visibilidade das operações que realizamos.
“Nosso objetivo estratégico, é lograr com que a TARGET LOGÍSTICS continue sendo uma referência de mercado assim como é a Mira Transportes, na condução de suas atividades”, complementa Mira.
É possível classificar a prestação de serviços de logística de armazém em várias categorias; a TARGET LOGISTICS oferece aos seus clientes a possibilidade de, contando com uma única bandeira empresarial, que é o Grupo MIRA Transportes, encontrar respostas eficientes, desde a coleta da matéria prima até a entrega final da mercadoria ao seu consignatário final, incluindo a prestação dos serviços de logística reserva, uma necessidade cada vez má latente no mercado.
“Nossa especialização é desenvolver projetos feitos à medida das necessidades dos nossos clientes”, diz. Normalmente as operações são realizadas em armazéns de propriedade do Grupo MIRA Transportes, o que supõe uma garantia adicional da integridade financeira com que abordamos os nossos projetos.
Para cada projeto, destaca o empresário, é desenhada uma solução específica e desenvolvemos uma tarifa de preços acorde às necessidades específicas do cliente.
 “A soma destas vantagens competitivas permite ao empresário cumprir o máximo objetivo de uma operação de OUTSOURCING logístico que não é outra que dispor de tempo para dedicar-se ao CORE BUSINESS do seu negócio delegando as atividades secundarias para especialistas”, finaliza Roberto Mira.
Sobre a TARGET LOGISTICS – A TARGET LOGISTICS, é a unidade de negócio logístico do grupo MIRA TRANSPORTES sendo especializada no desenho de soluções para as atividades de logística dedicada realizando todo tipo de atividades nos armazéns tais como: Picking, Packing, Gerenciamento Físico e Fiscal de Estoques, Preparação Especializada de Pedidos, Distribuição pelo sistema fracionado ou de carga completas tão como a gestão de logística reversa. A TARGET LOGISTICS dispõe de uma equipe de técnicos e especialistas que desenham a solução que melhor se adapte às necessidades específicas de cada Cliente.
Informações:
Matriz São Paulo, SP - Rua São Quirino, 1.090 - CEP 02056-070
Telefone (11) 2142-9000
transportes@mira.com.br www.mira.com.br

Nenhum comentário: