12 de out de 2014

A PSICOLOGIA VAI AO CINEMA LEVA CINEASTAS FAMOSOS E SUAS CRIAÇÕES AO DIVÃ




Lançamento da Cultrix, obra do americano Skip Dine Young reúne psicologia, estudos culturais, com foco em cinema e comunicação de massa em uma abordagem inédita ao País

A Psicologia vai ao Cinema – O Impacto Psicológico da Sétima Arte em Nossa Vida e na Sociedade Moderna, lançamento da Editora Cultrix, apresenta uma gama de abordagens psicológicas para analisar longas-metragens de sucesso, diretores renomados e atores como Angelina Jolie e Jack Nicholson. Voltada a leitores de diferentes perfis, a obra traz conteúdo inédito no País.

No livro, o autor Skip Dine Young, professor de psicologia na Hanover College, em Indiana, Estados Unidos, fornece uma perspectiva interdisciplinar. Reúne psicologia, estudos culturais, com foco em cinema e comunicação de massa. Não ficam de fora representações cinematográficas do comportamento humano, a psicologia de famosos cineastas, como Hitchcock, Kurosawa e Woody Allen, e o impacto da exibição de filmes no público.

Desde o início, o livro de Skip Dine Young prende a atenção do leitor. O conteúdo amplo e profundo pode ser lido e aplicado em vários níveis de estudo. Do cinéfilo que busca aprimorar seu olhar analítico para personagens emblemáticos e diretores de cinema de peso até estudantes de ciências sociais, por exemplo. 
Escrita em estilo acessível, com exemplos vivos de sucessos de bilheteria, como O Silêncio dos Inocentes, O Mágico de Oz, Star Wars, Taxi Driver e Uma Mente Brilhante, a obra traz indicação de outras referências para leituras adicionais, ao final de cada capítulo, visando maior exploração de diferentes áreas de pesquisa.
Assim, A Psicologia vai ao Cinema oferece uma base significativa de pesquisa do cinema e da psicologia, dois assuntos que podem despertar o interesse de muita gente. Quem tomar contato com seu interessante conteúdo, que contempla ainda, ao final, bibliografia, filmografia e notas referentes aos filmes citados no livro, não vai resistir ao prazer de analisar o comportamento humano na tela grande. Afinal, por vezes, um filme marca tanto o espectador que reflete sobre ele por uma semana, um mês ou até por toda vida.

Sobre o autor
Skip Dine Young é um professor de psicologia na Hanover College, em Indiana. Ele é um psicólogo clínico licenciado com interesses na cultura popular, narrativa psicologia e desenvolvimento humano.

Sobre a Editora Cultrix
Fundada em 1956, a Editora Cultrix tem como objetivo lançar títulos voltados para a área de ciências sociais e humanas, especialmente literatura, linguística, sociologia, psicologia, administração e marketing. Hoje, figura entre as editoras que mais contribuem para o fortalecimento de uma cultura voltada à sustentabilidade. A editora integra o Grupo Editorial Pensamento, nascido em 1907 e reconhecido pelo pioneirismo e inovação na seleção de temas e títulos para publicação.



Nenhum comentário: