15 de set de 2014

Meia Maratona das Cataratas celebra edição histórica









Recorde de participantes e de torcida marca a prova, vencida por africanos; apenas 16 segundos separaram o africano do brasileiro

Disputa acirrada entre os homens, favoritismo das africanas e muito alto-astral entre os participantes marcaram a oitava edição da Meia Maratona das Cataratas, no Parque Nacional do Iguaçu, neste domingo, 14. A corrida bateu o recorde de inscritos e de público, que contagiou milhares de corredores em um dos destinos turísticos mais conhecidos do mundo.

O tanzaniano Nelson Priva Mbya conquistou o título no masculino, e a queniana Nancy Jepkosgei Kipron comemorou o bicampeonato no feminino. Priva cravou o tempo de 1h04min45s. Giovani dos Santos terminou na segunda posição, registrando 1h05min01s. Apenas dezesseis segundos separaram o africano do brasileiro. O queniano Richard Kiplino Mutai garantiu o terceiro lugar, com 1h05min23s.

A campeã Nancy Jepkosgei Kipron concluiu os 21 quilômetros em 1h14min12s. A segunda posição ficou com a queniana Natalia Elisante Sulle, que fez 1h16min8s. A melhor brasileira classificada na corrida foi Fabiana Cristine da Silva, na terceira colocação, completando o percurso em 1h18min29s.

Masculino – Para o tanzaniano Nelson Priva, a prova foi de superação. "Tudo muito difícil pelo alto nível dos atletas e pelo próprio trajeto da corrida, que apresenta muitas e variáveis subidas", disse o vencedor.

O brasileiro Giovani dos Santos também comemorou bastante o resultado. "Estou muito satisfeito por conquistar a segunda colocação, mas também feliz pela participação nesta prova tão bonita, com estes belos cenários da natureza", afirmou.

Santos lembrou que, apesar da recente lesão no pé, registrou evolução nas últimas edições da corrida. "No ano passado, fiquei em terceiro lugar; na corrida deste ano terminei na segunda posição. Se assim evoluir, quem sabe não ganhe a prova no ano que vem."

Feminino – Nancy Jepkosgei Kipron destacou a importância da preparação psicológica e física para superar o desafio. "A prova exigiu muita força mental e vigor físico por conta do calor e das dificuldades do percurso. Valeu muito a pena seguir com as passadas firmes até o fim com mais este campeonato, pois isso desgastou, desde o início, as adversárias, e eu conseguir manter o passo", destacou.

A melhor brasileira colocada foi Fabiana Cristine da Silva, que terminou em terceiro lugar. Ela considerou o resultado positivo devido às circunstâncias da prova e ritmo da disputa. "As quenianas implantaram um ritmo muito intenso desde o começo da corrida. Isso exigiu muito esforço para acompanhar as quenianas", revelou.

Recorde – A prova contou com três mil atletas inscritos, superando o recorde das edições anteriores. O evento trouxe corredores apaixonados por esporte e natureza, vindos de praticamente todos os estados do Brasil e também de outros países. Outro destaque foi a torcida, pois mais de mil pessoas lotaram as arquibancadas.

Os organizadores da prova celebraram o resultado desta edição. "Sucesso de organização, sucesso de participantes e sucesso de público. A comunidade veio em peso recepcionar os atletas. Um clima vibrante, num ano do centenário de Foz do Iguaçu", ressaltou Jorge Pegoraro, chefe do Parque Nacional do Iguaçu.

O presidente do Fundo Iguaçu, Gilmar Piolla, frisou que a prova evolui a cada edição, não só na quantidade de participantes, mas na qualidade de organização. "A Meia Maratona das Cataratas já é uma marca do destino, projetando uma imagem positiva de Foz do Iguaçu no Brasil e no exterior. É uma prova singular dentro de um Patrimônio da Humanidade e de uma das Sete Novas Maravilhas da Natureza", afirmou.

Já o gerente-geral da Cataratas do Iguaçu S.A., Adélio Demeterko, destacou o nível de organização da prova e a alegria dos participantes quanto à integração entre esporte e natureza. "A Meia Maratona das Cataratas é um evento que une esporte, turismo e natureza. Os corredores trouxeram muita energia para o Parque Nacional do Iguaçu, o que colaborou para esta bela festa do esporte nacional. Os apoiadores e inúmeros voluntários foram fundamentais para o sucesso da prova."

Realização – A corrida é uma realização da Concessionária Cataratas do Iguaçu S/A e do Parque Nacional do Iguaçu (ICMBio), com promoção da RPCTV – TV Globo e patrocínio da Itaipu Binacional e Caixa Econômica Federal, além de apoio da Gatorade, Mabu Hotéis & Resort, Fila, Fundo Iguaçu e Duty Free.

Classificação 
Masculino
1º Nelson Priva Mbya: 1h04min45s
2º Giovani dos Santos: 1h05min01s
3º Richard Kiplino Mutai: 1h05min23s
4º Justino Pedro da Silva: 1h05min51s
5º Giomar Pereira da Silva: 1h06min25s

Feminino
1ª Nancy Jepkosgei Kipron: 1h14min12s
2ª Natalia Elisante Sulle: 1h16min8s
3ª Fabiana Cristine da Silva: 1h18min29s
4ª Maria Bernadete Cabral: 1h19min57s
5ª Fernanda Raimunda Soares: 1h21min37s

Serviço
8ª Meia Maratona das Cataratas do Iguaçu
Meia das Cataratas – troféu “Centenário de Foz do Iguaçu”
www.meiamaratonadascataratas.com.br
www.facebook.com/MeiadasCataratas
www.twitter.com/meiamaratonameia

Nenhum comentário: