2 de mai de 2014

Espetáculo ‘Dark Room’ estreia em maio no Teatro do Ator




​​


Um drama que vai emocionar toda a plateia. Em um instante derradeiro de vida, um jovem busca encontrar o seu pai e tem uma revelação surpreendente. Essa é a premissa da peça ‘Dark Room’, que estreia em 2 de maio, às 21h30, no Teatro do Ator, em São Paulo.O texto é de autoria do dramaturgo Mário Viana e o espetáculo, que fica em cartaz até 25 de julho, tem a direção e atuação deMurillo Effe.

A peça conta a história de Wesley (interpretado por Márcio Lima), que sempre teve a curiosidade de saber quem era o seu pai. Janete (Ariany Rhaverlaq), que é a mãe do garoto, nunca quis contar, mas em uma discussão o jovem acaba descobrindo que o seu pai é uma drag queen. A partir daí, Wesley sente vontade de reaproximar a família e para isso resolve contratar ‘Shirley Pão na Chapa’ (Murillo Effe), a drag que é o seu próprio pai.

“Dark Room é aquela hora que você põe a cabeça em seu travesseiro, entre o dormir e estar acordado. Você pensa naquilo que fez ou no que tem que fazer e vem um monte de coisas na sua cabeça. É um espetáculo muito profundo e soturno”, diz o ator Murillo Effe.

“É uma história sobre o desejo de se encontrar. Um lugar onde Wesley, Shirley Pão na Chapa e Janete se encontram em meio aos delírios de um deles. É aquele cômodo escuro que cada um carrega dentro de si”, explica o dramaturgo Mário Viana.



Serviço
Dark Room – O espetáculo
Temporada: de 02 de maio até 25 de Julho de 2014.
Dia e horário: toda sexta-feira, às 21h30.
Local: Teatro do Ator – Praça Roosevelt, 172 – Centro, São Paulo. Capacidade: 113 lugares.
Ingressos: R$ 50 (Inteira) / R$ 25 (Meia) / R$ 30 (Flyer)

Ficha Técnica
Texto: Mário Viana
Direção: Murillo Effe
Assistente de Direção e Standing: Vagner Cavalcante
Produção: Bússola Produções e Pituka Produções
Com: Ariany Rhaverlaq, Márcio Lima, Murillo Effe e Vagner Cavalcante.



Mais informações:

Mário Viana - dramaturgo
Autor de vários textos de sucesso, o dramaturgo Mário Viana já teve montagens dirigidas por grandes diretores, entre eles: Paulo Autran, Hugo Possolo e Jairo Mattos. Em TV, trabalhou como colaborador de algumas novelas: ‘Seus Olhos’ (SBT), ‘Máscaras’ (Record), ‘Dona Xepa’ (Record) e atualmente ‘Pecado Mortal’ (Record).

Murillo Effe – ator e diretor
Murillo Effe é ator e diretor da Cia. Canal Três. Atua no teatro há trinta anos e também é roteirista de espetáculos de humor para eventos e nightclubs. Além de participações na televisão e shows, também apresenta números de stand-up e é criador de diversos personagens, como o esotérico ‘Diego Varejon’ e a apresentadora ‘Nata$hara$ha’. No teatro, atuou em ‘Morte e Vida Severina’ e ‘Coisa Boa Pra Você!’, entre outros espetáculos de sucesso.

Ariany Rhaverlaq
Formada pelas escolas e oficinas de teatro Nilton Travesso, Fátima Toledo e INDAC, a atriz Ariany Rhaverlaq carrega desde 2003 uma grande bagagem de espetáculos teatrais e atuações na televisão. A atriz já foi dirigida nos palcos por grandes nomes, entre eles: Adriana Pires, Hélio Cícero e Flávia Pucci. Atuou nos espetáculos ‘Navalha na Carne’, ‘Comédias da Vida Privada’, ‘O Rei da Vela’, ‘Bailei na Curva’, ‘Boca de Ouro’, ‘Romeu e Julieta Infantil’ e ‘10Ponto948 – O Musical’.

Márcio Lima
O paulistano Márcio Lima é formado em artes dramáticas pelo Centro Universitário SENAC (2013). E neste inicio de carreira já atuou em três espetáculos: ‘O intimo do coletivo’ (2013), ‘As Manobras do Avesso’ (2013) e ‘Alice no País das Máscaras Sociais’ (2012) - esse último de sua coautoria. Atuou na websérie ‘A República’ (pós-produção) e emprestou sua voz para narração do vídeo de sua autoria, ‘Vida de Navio’ (2011).

Nenhum comentário: