25 de mai de 2013

Garotos da Noite, de Thiago Salles, volta ao Teatro Augusta em junho

Após duas temporadas de sucesso em 2011, o espetáculo Garotos da Noite, de Thiago Salles, está de volta à Sala Experimental do Teatro Augusta. A reestreia acontece no dia 5 de junho e a temporada segue por quatro semanas com sessões quartas e quintas-feiras, sempre às 21 horas.

O texto aborda a rotina de três rapazes que circulam pela noite paulistana, vivendo suas inquietações, arriscando-se e lutando para sobreviver numa sociedade obcecada por consumo, sexo e poder. No elenco, estão os atores Chico Ribas e Wilsinho Torres, além do próprio autor, Thiago Salles, sob direção de Rene Ramos.

Com seus encantos e armadilhas, a noite da metrópole é a fonte de inspiração para o autor revelar o mundo desses jovens – Cabral (Thiago), Bambolê (Chico) e Estrela (Wilsinho) - que transitam por suas ruas e clubes em busca de sonhos. Acometidos pelas inquietações, pela solidão noturna, pelos vícios e desejos, eles ganham a vida utilizando o sexo como moeda de troca.

A história desses amigos marginalizados pela sociedade revela as armadilhas e os riscos da prostituição masculina, além da sobrevivência em um universo violento e complexo, muitas vezes abafados pela penumbra da metrópole.

Todas as noites, Cabral, Bambolê e Estrela saem em busca de clientes interessados em sexo ou apenas em companhia. Nessa jornada, os personagens experimentam a solidão em uma cidade que não para, o vício de uma sociedade obcecada pelo consumo e as inquietações provocadas pelo desejo de ter outra vida e viver outra realidade.

O drama de Garotos da Noite propõe ao espectador um novo olhar para as duas faces dessa realidade: o michê e a sociedade. O espetáculo não pretende justificar, nem mesmo julgar, a prostituição, mas provocar uma reflexão sobre as perspectivas sociais de jovens que sobrevivem "trocando" sexo por dinheiro.

Trajetória da peça

Com Garotos da Noite Thiago Salles foi selecionado para o Núcleo de Dramaturgia do SESI British Council, em 2010, sob orientação da jornalista e dramaturga Marici Salomão. A peça estreou no Teatro Cacilda Becker, em 12 de agosto de 2011, com o apoio do Departamento de Expansão Cultural da Prefeitura de São Paulo. No mesmo ano foi contemplado com o ProAC / LGBT da Secretaria de Estado da Culturade São Paulo para a realização da segunda temporada no Teatro Augusta, de outubro a dezembro. Com um total de 40 sessões apresentadas, o espetáculo levou 3000 espectadores ao teatro.

Ficha técnica
Texto: Thiago Salles
Direção: 
Rene Ramos
Elenco: Chico Ribas (Bambolê), Thiago Salles (Cabral) e Wilsinho Torres (Estrela).
Iluminação: Karine Spuri
Trilha sonora: 
Fernando Tucori
Confecção de cenário: Cia. Time de Criadores
Figurinos: Rene Ramos
Máscaras: 
Eduardo Chagas
Produção: 
Geondes Antonio
Realização: 
Cia. Time de Criadores
Serviço
Reestreia: Dia 5 de junho – quarta-feira – às 21 horas
Teatro Augusta (Sala Experimental) - www.teatroaugusta.com.br
Rua Augusta, 943 – Cerqueira César/SP - Tel: (11) 3151- 4141
Temporada: quartas e quintas-feiras – às 21 horas – Até 27/06
Ingressos: R$ 20,00 (meia: R$ 10,00). Bilheteria: 4ª a 5ª (14h às 21h), 6ª (14h às 21h30), sáb. (15h às 21h) e dom. (15h às 19h). Lotação: 50 lugares
Gênero: Drama. Duração: 65 min. Classificação etária: 16 anos.
Aceita dinheiro e cartões (MC, D, V, RS e VE).
Reservas p/ telefone: 4ª a sáb. (15h às 19h) e dom. (15h às 17h)
Ingressos antecipados: www.ingressorapido.com.br (tel 4003-1212).
Acesso universal. Ar condicionado. Estacionamento conveniado no local

Nenhum comentário: