1 de out de 2012

Proprietários de terra têm até o dia 31/10 para se inscreverem no IV Edital do programa Clickarvore, da SOS Mata Atlântica


Proprietários de terra têm até o dia 31/10 para se inscreverem no IV Edital do programa Clickarvore, da SOS Mata Atlântica

Os proprietários de terra interessados em participar da seleção de projetos para a receberem mudas de espécies florestais nativas da Mata Atlântica ganharam mais tempo: agora eles têm até o dia 31 de outubro para se inscrever no IV Edital do programa Clickarvore. O edital vai fornecer 600 mil mudas de espécies nativas a proprietários de terras localizadas nas seguintes regiões: Rio de Janeiro, Espírito Santo, Noroeste de São Paulo, Sudoeste e Leste do Mato Grosso do Sul, Norte do Paraná e Sul da Bahia. O objetivo é promover a restauração e a conservação de 360 hectares do bioma Mata Atlântica.
Podem participar proprietários rurais, pessoas físicas ou jurídicas, associações, Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) e ONGs. O programa Clickarvore é uma iniciativa da Fundação SOS Mata Atlântica em parceria com o Grupo Abril. O edital conta com recursos do Bradesco Cartões. Com todas as informações e regulamento, o edital está disponível para visualização em www.clickarvore.com.br. Dúvidas podem ser esclarecidas pelo email restauracao.areatecnica@sosma.org.br ou pelo telefone (11) 4013-3445/4598.
Segundo a coordenadora do Clickarvore, Aretha Medina, o edital foi concebido para contribuir com a restauração florestal de áreas prioritárias do Bioma, especialmente das Áreas de Preservação Permanente (APPs). “Com este edital, temos a intenção de promover a proteção dos recursos hídricos; a conectividade de fragmentos florestais e a restauração da biodiversidade regional”, destaca.
Para serem contemplados com a doação das mudas, os projetos devem ter como objetivo: a restauração florestal; a conservação da biodiversidade regional; a proteção dos recursos hídricos; conectividade de fragmentos florestais e a proximidade de Unidades de Conservação (UCs). Serão apoiados pelo programa apenas projetos para a restauração de áreas entre 1,5 e 30 hectares.
Depois da doação de mudas para os proprietários, a SOS Mata Atlântica fará, ainda, vistorias para verificar como está sendo conduzido o projeto de restauração florestal contemplado pelo edital. Constatado o sucesso do plantio, após o período de 3 anos, os proprietários rurais receberão incentivos pela restauração florestal realizada.

Nenhum comentário: