1 de out de 2012

Dia das Crianças - programação SESC Belenzinho


No dia 12 de outubro, as crianças poderão desfrutar de diversos espetáculos no SESC Belenzinho, além de atividades culturais e de lazer para comemorar o Dia das Crianças junto com toda a família. Especialmente para esta data, a unidade programou uma estreia com teatro de bonecos - As Casas - com o Duo Anfíbios e Núcleo Vendaval, e a estreia de um show pra lá de profissional e criativo - Vem Pra Roda - com Rita Rameh e Luiz Waack

A programação traz ainda a mostra de cultura popular para crianças Folias e Brincadeiras: com contações de histórias com Karina Giannecchini; cortejo Passeio Brincante com o grupo Babado de Chita; espetáculo de teatro de mamulengos Folia Brasileira com o Mestre Valdeck de Garanhuns; e uma série de oficinas de brinquedos populares, Brinquedos e Brincadeiras de Papel com Denise Valéria. Outras atividades completam a programação como, por exemplo, Pinóquio: Uma Bela Arte (exposição em cartaz) e O Palhaço Lolomiolotolo e Suas Estripulias (no Espaço de Brincar).

ESPETÁCULOS

As Casas
Com Duo Anfíbios e Núcleo Vendaval. Concepção e direção geral: Fábio Supérbi e Juliana Notari. Bonecos, cenário e manipulação: Fábio Supérbi e Juliana Notari. Trilha sonora original e direção musical: Edu Varallo e Felipe Veiga. Figurinos: As Mariposas. Assistente de direção: Milena Filócomo. Bonecos, cenário e manipulação: Fábio Supérbi e Juliana Notari. Trilha sonora original e direção musical: Edu Varallo e Felipe Veiga. Figurinos: As Mariposas. Assistente de direção: Milena Filócomo
Estreia: 12 de outubro – sexta-feira – às 12 horas
Temporada: 12 a 27 de outubro. Sábados e domingos, às 12 horas
Teatro (392 lugares). Classificação etária: Livre (acima de 3 anos). Duração: 50 min.
Ingressos pela rede INGRESSOSESC: R$ 8,00 (inteira), R$ 4,00 (usuário matriculado no SESC e dependentes, +60 anos, estudantes e professores da rede pública) e R$ 2,00 (trabalhador no comércio e serviços matriculado no SESC e dependentes).

O espetáculo de animação As Casas conta a história de João e Antonio, dois vizinhos bem diferentes em quase tudo. João é redondo e Antônio é quadrado e, apesar das diferenças, eles têm em comum a paixão pela música e pelos livros. Será que eles podem ser amigos? Será que um pode aprender algo com o outro?

A estreia acontece no dia 12 de outubro, no Teatro do SESC Belenzinho, às 12 horas. A peça é uma montagem conjunta das companhias Duo Anfibios e Núcleo Vendaval. Fábio Superbi e Juliana Notari assinam a concepção e direção geral; e Edu Varallo e Felipe Veiga são os compositores e diretores musicais. Todos estão em cena, realizando um curioso diálogo entre a música e os bonecos.

Na história, João constrói instrumentos musicais, tem uma horta em seu quintal e tudo é redondo em sua casa, até o seu cachorro. Tudo se interliga e todas suas ações parecem ser em cadeia. A sensação é de continuidade, de fluidez. João tem como lema ajudar a sua cidade e melhorar a qualidade de vida das pessoas, inclusive a sua. A reciclagem e a preocupação com o lixo fazem parte de sua vida. Esta personagem é metafórica: ele enxerga no mundo de forma circular e isto é visto nas coisas à sua volta (cadeira, janelas, utensílios e no cachorro).

Antônio é músico, toca xilofone, adora comida enlatada, mora em uma casa quadrada e tudo é quadrado nela, até o seu cachorro. Nada parece se encaixar bem. Cada atitude sua parece ser cansativa. Ele é preguiçoso. Seu lema é quanto menos trabalho melhor. Ele não se preocupa com o lixo, muito menos com a cidade e seus habitantes, nem consigo próprio. Ele também é uma personagem metafórica. O seu modo de ver o mundo é “quadrado” e antiquado. Ele mais parece um armário velho e emperrado.

O elo entre essas duas figuras são os dois cãezinhos que se tornam amigos, estreitando a relação entre os donos, que são apaixonados pela música e pelos livros, espalhados pelas duas casas. João e Antônio apresentam uma bela história sobre o mundo em que vivemos e que desejamos. Os espectadores são levados a refletir sobre o lixo, o planeta e sobre sua própria responsabilidade, de maneira poética e bem humorada.
Todos os detalhes, desde a escolha dos materiais até os timbres e cores têm papel significativo na peça. Fábio Supérbi e Juliana Notari têm larga experiência na criação e construção de bonecos e cenários, além de serem atores e arte-educadores. Para este trabalho pesquisaram a mistura de materiais recicláveis e de descarte, para a criação de texturas e formas como metáforas visuais. Os músicos convidados, Edu Varallo e Felipe Veiga, conceberam a trilha sonora a partir da imagem singular dessas duas personagens, Antônio e João e de suas particularidades. Utilizaram também instrumentos feitos com objetos sonoros e outros foram mesmo inventados.

Folia Brasileira
Com Mestre Valdeck de Garanhuns
Dias 12, 14 e 20 de outubro – sexta (feriado), domingo e sábado, às 16 horas
Convivência. Grátis. Classificação: Livre

Folia Brasileira é uma performance de teatro de mamulengos com  o Mestre Valdeck, de Garanhuns. O espetáculo conta uma história que se passa na fazenda do coronel Vicente Pompeu. Ele está realizando uma grande festa para comemorar o noivado de sua afilhada Marieta com o seu secretário Simão. O coronel quer que esta festa seja uma grande mostra da cultura popular brasileira, com apresentações de bumba meu boi, reisado, ciranda e frevo.


SHOW

Vem Pra Roda
Direção de Eric Nowinski
Banda: Luiz Waack (violões, guitarra e cordas), Rita Rameh (violão e voz), Ricardo Garcia (percussão), Lucas Espíndola (baixo e Voz) e Clarice Espíndola (voz). Direção Musical: Luiz Waack. Cenário: Antonio Rodante. Figurino: Marisa Waack e Rita Rameh.
Dias 12, 13 e 14 de outubro. Sexta (feriado), sábado e domingo, às 18 horas
Comedoria (500 lugares). Duração: 50 minutos. Indicação de faixa etária: 4 a 12 anos
Grátis. Retirar ingressos com 1h de antecedência. Classificação etária: livre (acima de 4 anos)

O show Vem Pra Roda comemora o lançamento de Embolada, segundo CD de Rita Rameh e Luiz Waack, que ganhou o Prêmio de Música Brasileira deste ano. O show reúne várias linguagens - música, teatro e artes plásticas – para abordar temas, assuntos e inquietudes do universo infanto-juvenil de forma divertida e inteligente. O espetáculo inclui ainda canções do primeiro CD da dupla, Por Quê?, também premiado como melhor disco infantil de 2008, no Prêmio Tim de Música

Vem Pra Roda tem ritmos como moda de viola, samba, fado, baião, rock, tango e reggae. Nowinski traz elementos teatrais para o espetáculo, e a sequência das músicas traça uma linha do tempo. No primeiro momento surge a floresta e seus habitantes, um lugar intocado e equilibrado. Ao longo do tempo ela vai sofrendo a interferência do homem e vai mudando aos poucos. Por meio da brincadeira entre a música e o teatro, o espetáculo ressalta a preocupação com o meio ambiente.

Rita Rameh (violão e voz) e Luiz Waack (violão, guitarra e voz) trabalham com músicas infantis desde 1992, compondo e produzindo músicas ligadas à área pedagógica. No palco eles contam com o apoio de uma banda, formada pela atriz e cantora Clarice Espíndola, pelo cantor e baixista Lucas Espíndola, pelo percursionista Ricardo Garcia.

No repertório, “Semente”, “Insetos”, “Macacada”, “Sons da Floresta”, “Amarelo”, “Estrada”, “Embolada do Rodrigo”, “Verde de Fome”, “Medo” e “Eu Sou Eu”, todas de Rita Rameh, além de parcerias entre ela e Luiz Waack “Olha, um Ninho!”, “O Rio”, “A Moda do Jacaré”, “Porcalhão” e “Vem Pra Roda”.

O Palhaço Lolomiolotolo e Suas Estripulias
De 6 a 28 de outubro. Sábados, domingos, das 13h às 16h
Também no feriado 12/10 (Dia das Crianças), das 13h às 16h
Espaço de Brincar. Grátis. Livre (indicado para todas as crianças)

Munido de sirene, apito e uma super moto, o palhaço Lolomiolotolo vai divertir a criançada e também os adultos no Espaço de Brincar do SESC Belenzinho.

EXPOSIÇÃO

Pinóquio: Uma Bela Arte
Local: Galpão Cultural e Área de Exposições. Visitação de 18/7 a 18/11. Acesso à exposição para visitação até 1h antes do fechamento do espaço, limitada à capacidade do espaço. Agendamento de grupos: 2076 9772 eagendamento@belenzinho.sescsp.org.br
De 18/07 a 18/11. Terça a sexta (10h às 21h30); sábados (10h às 21h); domingos e feriados (10h às 19h30). Grátis. Livre para todos os públicos

A fábula de Carlo Collodi, 'As Aventuras de Pinóquio', ganha vida a partir do trabalho de diversos artistas contemporâneos. Um percurso de nove instalações desenvolvidas por criadores nacionais e internacionais, como Studio CTRLZAK, Zaven Paré, Studio Magenta, Luciana Magno, GRL-Brasil, Vera Uberti, Martí Guixé e Studio Azzurro, dialogam entre si constituindo uma nova narrativa. No espaço do Grande Ateliê de Pinóquio, cujo conceito educativo foi criado pela fundação italiana PInAC - Pinacoteca Internationale dell'Etáte Evolutiva Aldo Cibaldi (www.pinac.itf), há nove estações que propõem um contato lúdico com o texto de Collodi.


Outras atividades

Corrida Pais e Filhos
Dia 12 de outubro. Sexta-feira, às 11 horas
Grátis. Para crianças de 2 a 10 anos.
Pista de Corrida e Caminhada. Inscrições de 02 a 10/10, na sala de Ginástica Multifuncional.

Atividade integrativa que estimula pais e filhos à prática esportiva de maneira lúdica. Esta atividade integra o projetoPráticas corporais pais e filhos que visa promover vivências corporais, brincadeiras, jogos e oficinas para promover hábitos saudáveis por meio da interação entre as crianças pais e responsáveis. As categorias são: de 2 a 5 anos (nesta é necessário acompanhamento de seus responsáveis na hora da prova), 6 e 7 anos e de 8 a 10 anos.

Undokai 
Dia 12 de outubro. Sexta-feira, às 10 horas
Com Instrutores de Atividades Físicas do SESC
Campo de Futebol Soçaite. Inscrições no local. Grátis.

Undokai (undou - esporte, kai - reunião) é uma atividade folclórica japonesa que significa "reunião ou encontro de esportes". Propõe um dia em família no fim de semana para reunir os descendentes de japoneses. Brincar e interagir com outras crianças, com suas próprias famílias e com a comunidade são os objetivos desta grande gincana.


Oficina Brinquedos e Brincadeiras de Papel
Com Denise Valéria Pereira
Dias 6, 12, 13, 14, 20, 21 e 27 de outubro
Sábados, domingos e feriado (12/10), das 11h às 13h e das 15h às 17h.
Espaço Curumim. Grátis. Livre. Retirar senha com 30 min de antecedência

Construção de pião, cata-vento, baragandão e corrupio com materiais simples como papel, barbante, tampinhas de garrafas e jornal. Após confeccionar os brinquedos, as crianças serão convidadas a participar de brincadeiras que explorem as habilidades manuais. 

Contações de Histórias
Com Karina Giannecchini
Dias 6, 13 e 27 de outubro, às 16 horas
Convivência. Livre. Grátis.

Passeio Brincante
Com Babado de Chita
Dias 12 de outubro (às 17 horas) e 21 de outubro (às 16 horas)Convivência e Praça. Livre.

Cortejo em que uma trupe de brincantes coloridos passeia por diversos espaços convidando o público a vivenciar elementos da nossa cultura popular. Nesse passeio cheio de instrumentos musicais, dançar e cantar faz parte da brincadeira.

Nenhum comentário: