28 de abr de 2012

Felipe França faz o terceiro melhor tempo do mundo nos 100m peito e se garante em Londres


Na prova mais disputada do Troféu Maria Lenk, nadador do Pinheiros/SABESP abaixa a sua marca para 59s63 e confirma classificação para os Jogos Olímpicos
O nadador Felipe França, do Pinheiros/SABESP, confirmou a sua participação nos Jogos Olímpicos de Londres ao abaixar o seu tempo nas finais dos 100m peito do Troféu Maria Lenk nesta quinta-feira.
Pela manhã, França completou a eliminatória em 59s63 – terceiro melhor tempo do mundo em 2012 (atrás apenas dos japoneses Kosuke Kitajima, com 58s90 e Ryo Tateishi, com 59s60) e se garantiu na final da prova ao lado dos colegas Raphael Rodrigues (1m00s92) e João Luis Gomes Junior (1m00s96). Na decisão, o campeão mundial dos 50m peito confirmou o favoritismo e garantiu o primeiro lugar com a marca de 59s83. “Consegui fazer o que estava planejado e abaixei o meu tempo, mas o melhor ainda está por vir. Estou treinando para nadar abaixo dos 59s e conquistar a medalha olímpica”, garante Felipe. João Luis Gomes Júnior chegou em terceiro, com 1m00s38, mas não se classificou para a Olimpíada, já que Felipe Lima nadou a eliminatória em 1m00s11 e ficou com a segunda vaga brasileira nos 100m peito .
Entre as meninas, a pinheirense Ana Carla Carvalho conquistou o título nos 100m peito ao nadar em 1m10s53. “Não deu para nadar pelo índice (1m08s32), mas é um degrau de cada vez. Estou feliz pelo título mas quero melhorar”, afirma a jovem de 21 anos. Beatriz Travalon (quinto lugar com 1m12s01) e Carolina Mussi (sexta colocada com 1m12s66) também nadaram a decisão.
Na final dos 200m costas a campeã olímpica Laure Manaudou sobrou e ficou com o primeiro lugar ao nadar em 2m11s77 – marca equivalente ao novo recorde sul-americano e que garantiu mais pontos ao Pinheiros na competição. “Estou muito feliz em nadar pelo Pinheiros e poder ajudar. É um time muito forte”, disse a francesa.
Nos 50m borboleta feminino, a pinheirense Daniele Paoli levou a medalha de bronze, com o tempo de 26s57. Entre os homens, terceira colocação para o francês Frédérick Bousquet, com a marca de 23s02.
As finais do Revezamento 4x100m livre encerraram a terceira etapa do Troféu Maria Lenk. As pinheirenses Flávia Delaroli, Laure Manaudou, Tatiana Lemos e Larissa Martins conquistaram o ouro e quebraram o recorde do campeonato (que também pertencia ao clube) com o tempo de 3m44s25. O time masculino, formado pelos nadadores Bruno Fratus, Fred Bousquet, André Daudt e Fernando Silva, ficou com a prata ao completar o revezamento em 3m19s17.
Concluída a terceira etapa, o Pinheiros/SABESP está em segundo lugar, com 1279 pontos – atrás apenas do Clube de Regatas Flamengo, que tem 1315,50 pontos.

Nenhum comentário: